Bráulio Bessa Resolve Poema Para os Leitores Do DIA O D

06 Jul 2018 14:11
Tags

Back to list of posts

healthy-2-week-detox-diet-plan-fat-burning-foods-mwkXjS.jpg

<h1>→ Super Propaganda</h1>

<p>Mentira &eacute; algo ruim, certo? Creio que isto &eacute; uma conven&ccedil;&atilde;o social aceita por quase todas as pessoas, apesar de, para a maioria da gente, parecer que nos incomodamos mais quando mentem pra n&oacute;s do que quando mentimos pra algu&eacute;m. Em outras palavras, apesar de insatisfat&oacute;rio, a inverdade &eacute;, de certa maneira, aceita pelas pessoas. At&eacute; criamos escalas para as mentiras, como a “mentira inocente”, a “mentira &uacute;til”, a “mentira branca”, entre algumas, que no t&eacute;rmino, servem apenas para tentar abrandar ou justificar uma inverdade.</p>

<p>Todavia o defeito mesmo &eacute; quando a atitude de se apoiar uma lorota acaba sendo t&atilde;o recorrente, que passa a ser um comportamento aceito e at&eacute; esperado em diversos momentos. E n&atilde;o &eacute; de hoje que, infelizmente, muitas organiza&ccedil;&otilde;es adotam um tipo de fraude “justific&aacute;vel” como estrat&eacute;gia no relacionamento com seus fregu&ecirc;ses, principalmente se isto far&aacute; a organiza&ccedil;&atilde;o localizar que deste modo ter&aacute; uma rentabilidade superior. Neste momento falamos nesse website por muitas vezes que um agrad&aacute;vel relacionamento com fregu&ecirc;ses traz excelentes resultados para qualquer organiza&ccedil;&atilde;o em cada segmento, principalmente no enorme prazo.</p>

<p>1 - Tem que ter equil&iacute;brio, ou melhor, um lado n&atilde;o tem que querer se sobrepor ou obter mais do que o outro. Se a corpora&ccedil;&atilde;o quer obter dinheiro, o consumidor tem que aceitar isso e oferecer este dinheiro a ela simplesmente pelo motivo de enxerga valor no que est&aacute; recebendo (premissa b&aacute;sica numa liga&ccedil;&atilde;o de consumo).</p>

<p>Quando um dos lados quer retirar vantagem, acabou desta maneira a liga&ccedil;&atilde;o. E aqui temos quem sabe uma das primeiras “mentiras justific&aacute;veis” que ocorre pela rela&ccedil;&atilde;o organiza&ccedil;&atilde;o-cliente. Vivemos pela cultura da vantagem, ou seja: se temos a chance de dominar alguma coisa al&eacute;m do que talvez devesse ser o “mais normal” (pra n&atilde;o discursar exato), uma mentirinha n&atilde;o precisa ser t&atilde;o insatisfat&oacute;rio desta maneira? Imagine em quantas vezes voc&ecirc; teve um jeito para retirar vantagem de alguma ocorr&ecirc;ncia, e pense em quantas vezes voc&ecirc; fez isso agindo como cliente ou como organiza&ccedil;&atilde;o. Sei que pela rela&ccedil;&atilde;o empresa-cliente, tirar vantagem &eacute; o inverso de buscar o equil&iacute;brio e ser&aacute; fruto para mentiras. Se um dos lados est&aacute; tendo uma vantagem a mais, o que significa desequil&iacute;brio, algu&eacute;m deste jeito est&aacute; perdendo qualquer coisa. Dois - Necessita ser &iacute;ntegro. Costumo dizer que em marketing e no relacionamento com consumidores, integridade significa fazer a coisa certa sem a inevitabilidade de permanecer contando depois que fez.</p>

<p>Ser &iacute;ntegro significa bem como ser transparente, e isto &eacute; muito &aacute;rduo pras organiza&ccedil;&otilde;es, em raz&atilde;o de v&aacute;rias consideram que ser transparente &eacute; ser ing&ecirc;nua, no momento em que na realidade &eacute; exatamente o contr&aacute;rio. Ser transparente significa ser justificado, no entanto isso tem que ser feito com respeito, ou melhor, com o equil&iacute;brio que falamos no objeto anterior. Em algumas palavras, integridade e “pequenas mentiras justific&aacute;veis” n&atilde;o conseguem conviver juntas na mesma estrat&eacute;gia de relacionamento com clientes.</p>

<p>3 - Precisa ser sustent&aacute;vel, e sustent&aacute;vel neste local significa que tem que durar, ser longo e fiel. E alguma coisa s&oacute; dura por muito tempo se &eacute; prazeroso para ambos os lados como falamos no objeto 1. Nenhuma corpora&ccedil;&atilde;o ser&aacute; capaz de fazer uma apoio de compradores fi&eacute;is com mentiras; afinal, sabemos que a mentira tem perna curta, certo?</p>
<ul>
<li>Links Recebidos</li>
<li>Um Epis&oacute;dio Pessimista</li>
<li>A idade do p&uacute;blico-centro</li>
<li>2 - Escreva Como Se Estivesse Informando Com Seu Melhor Conhecido</li>
</ul>

<p>Como t&aacute; a estrat&eacute;gia de relacionamento com fregu&ecirc;ses que voc&ecirc; construiu para a sua organiza&ccedil;&atilde;o? Ela procura o equil&iacute;brio na liga&ccedil;&atilde;o, &eacute; &iacute;ntegra e &eacute; sustent&aacute;vel? Se n&atilde;o for nada disso, talvez ela seja uma falsidade que voc&ecirc; criou e est&aacute; contando (e enganando) todos os dias a voc&ecirc; mesmo em primeiro local.</p>

<p>Foi uma fant&aacute;stica forma por estabelecer sua experi&ecirc;ncia pra que teu mercado-alvo confie em voc&ecirc; quando estiver pronto. 7. Ter um come&ccedil;o, meio e encerramento. 8. Limite seus URLs. A maioria dos editores do artigos se recusar&aacute; a listar seu artigo se voc&ecirc; tiver mais do 3 URLs no organismo do artigo.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License